Loading...
Sobre

CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE


CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE

O Ministério da Saúde iniciou na segunda-feira (23/3) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe.

Nesta primeira etapa, os públicos prioritários são idosos e trabalhadores da saúde, o dia “D” de mobilização nacional para a vacinação acontecerá no dia 9 de maio (sábado) os de saúde ficarão abertos para atender todos os grupos prioritários.

A vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para coronavírus, já que os sintomas são parecidos.

A etapa seguinte da campanha terá início no dia 16 de abril com objetivo de vacinar doentes crônicos, professores (rede pública e privada) e profissionais das forças de segurança e salvamento.

A última fase, que começa no dia 9 de maio, priorizará crianças de 6 meses a menores de 6 anos, pessoas com 55 a 59 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com deficiência, povos indígenas, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

A vacina, composta por vírus inativado, é trivalente e protege contra os três vírus que mais circularam no hemisfério sul em 2019: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

Em Vargem Grande do Rio Pardo o Secretário de Saúde José Mauricio juntamente com a equipe técnica: médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem definiram uma estratégia diferente esse ano em razão da pandemia do coronavirus.

Os idosos estão recebendo as doses em casa tanto na cidade quanto na zona rural para evitar aglomerações nas unidades de saúde.

Segundo José Mauricio “os servidores da saúde estão envolvidos na vacinação e espera atingir a meta definida pelo ministério”.

Estratégia que foi aprovada pela população que achou além de ser cômodo não ter que sair, o melhor é ficar protegido, comentou um idoso.

É a Saúde de Vargem Grande do Rio Pardo cuidando de pessoas!

 

Fonte: Secretaria de Saúde/fotos divulgação

Compartilhe nas redes sociais